Será que sou gay?

Será que sou gay?
Share Button

Será que sou gay?

Eu estava passando por um momento difícil. Meu namoro estava chegando ao fim e estava me sentindo péssimo. Eu realmente amava minha namorada. Mas sempre tive um desejo secreto de transar com um homem.

A ideia de chupar um pau me excitava muito. Como já estava solteiro novamente, decidi que a hora era essa. Conheci Edu num chat e no mesmo dia marcamos um encontro. Queria muito realizar a minha maior fantasia até hoje: ficar nu na frente de um completo desconhecido. E assim aconteceu…

(mais…)

Share Button

Mirian, chupei meu amigo

Chupei meu Amigo
Share Button

Chupei meu amigo

Casei cedo, com 22 anos. Minha mulher tinha 20 e já casou grávida. Mesmo assim sempre tivemos uma vida sexual ativa e cheia de inovações. Lembro-me da primeira vez que ela chupou meu cu: gozei sem me tocar. Que delicia. Ela, então, percebendo meu enorme tesão foi se aperfeiçoando em me proporcionar prazer anal. Começou a colocar dedos e então velas. Não sei bem por que, mas depois da vela nossa relação foi esfriando. Depois tivemos mais um filho e seguimos nossa vida. Sempre tive vontade de vê-la chupando uma buceta, mas ela nunca aceitou, apesar insistência. Nossa vida sexual continuava morna até que um dia perguntei a ela o que mais dava tesão nela de assistir num filme porno, ela pediu para que eu não achasse esquisito, mas ela adorava ver dois homens se beijando e se chupando. E de queima roupa me soltou:

— Não minta, por favor. Você já chupou um pinto? — fiquei até sem fala. Pensei comigo: ih, agora o que eu digo?, conto a verdade ou minto? Decidi contar a verdade, pois minha vida sexual já estava uma porcaria mesmo.

(mais…)

Share Button

Conto Erótico – Carinho no carro

carinho-no-carro
Share Button

carinho-no-carro

Imagino que este seja o primeiro conto erótico homossexual do site e espero que depois desse muitos outros apareçam.

Julho trás uma das semanas mais frias do ano em São Paulo e neste ano não poderia ser diferente, mas arrumei uma forma depravada para me aquecer e tudo começou com um carinho no carro. Meu nome é Henrique, tenho 25 anos e estudo arquitetura.

(mais…)

Share Button